Publicidade
Ads
Ads

Otomodelação – Alcenir Júnior

Otomodelação: Procedimento para correção de Orelhas em abano

A otomodelação consiste na correção de alguns tipos de orelha de abano sem a necessidade de realizar cirurgia. Esse é um procedimento não cirúrgico utilizado para corrigir certos tipos de orelhas proeminentes, também conhecidas como orelhas de abano. Essa técnica envolve o uso de dispositivos moldadores especiais que ajudam a remodelar a cartilagem da orelha, proporcionando uma aparência mais e esteticamente agradável. Ao evitar a necessidade de intervenção cirúrgica, a otomodelação oferece uma alternativa menos invasiva e com menor tempo de recuperação para aqueles que desejam corrigir essa característica facial.

A otomodelação deixa cicatrizes?

Não. Como não são realizadas incisões (cortes), não há cicatrizes. Dependendo da genética de cada paciente, é possível que se formem queloides no ponto de entrada das linhas de sutura, o que é muito raro.

Onde ela é realizada?

A otomodelação é realizada no próprio consultório ou clínica e dura, em média, cerca de 30 minutos por orelha. Pode ser realizada já na primeira consulta do paciente, caso haja indicação.

É necessária anestesia?

A otomodelação é feita com anestesia local, dispensando a necessidade de sedação, pois é um procedimento rápido e seguro.

Para quem ela é indicada ?

Pode ser indicada para casos leves de orelha de abano, geralmente quando há abertura apenas da porção superior das orelhas. As orelhas proeminentes (também chamadas de orelhas de abano) podem ser causadas pelo aumento da distância entre a orelha e a cabeça e também pela falta de curvatura da anti-hélice da orelha. Neste último caso, muitas vezes é possível reconstruir tal curvatura sem a necessidade de cortes atrás da orelha, apenas por meio da confecção de pontos de sutura. A indicação ocorrerá após avaliação do profissional, visando sempre o melhor resultado e a satisfação do paciente.

A partir de que idade pode ser indicada ?

Pode-se realizar a otomodelação após os 10 anos de idade, desde que, com autorização prévia dos pais ou responsáveis.

A otomodelação é um procedimento definitivo?

Existem trabalhos que mostram que, quando bem indicada, a otomodelação tem baixas taxas de recorrência a longo prazo. Embora não haja garantias quanto ao tempo de duração. Caso haja soltura de algum ponto, novas avaliações são feitas.

Quais os cuidados após a realização da otomodelação?

Após a realização do procedimento de otomodelação, o paciente deve permanecer com uma faixa de bailarina (ou tenista) durante o dia todo na primeira semana e apenas à noite até completar 1 mês. Não há necessidade de repouso, podendo o paciente retornar ao trabalho logo após o procedimento. A pratica de esportes de contato devem ser evitados no primeiro mês, mas a maioria das demais atividades físicas pode ser feita.

É necessário passar em consulta?

Sim. Muitos pacientes acreditam que podem comparecer diretamente apenas para a realização do procedimento. Contudo, a avaliação é essencial para obter a real indicação do procedimento e também se há contraindicações, tudo isso visando a maior segurança do paciente e o melhor resultado final! Lembrem-se, a sua deve ser tratada com prioridade.

Quais outros procedimentos podem ser realizados nas orelhas? 

Abaixo irei citar dois procedimentos que também é possível fazer no consultório ou clínica. São eles:

  • Correção de lóbulo rasgado: é um procedimento para diminuir o tamanho dos lóbulos da orelha (que podem estar aumentados pelo ou pelo uso de piercings e alargadores) e/ou para o fechamento dos furos causados por brincos. O procedimento é feito no consultório, com as técnicas adequadas de assepsia e com anestesia local.
  • Maior volume dos lóbulos – preenchimento: você já percebeu que, com o passar dos anos, os lóbulos das orelhas podem ficar flácidos e ídos, dificultando inclusive o uso de brincos. Isso ocorre porque, conforme envelhecemos, vamos perdendo tecidos de sustentação. O preenchimento com ácido hialurônico é uma nova forma de manter as orelhas com aspecto mais jovial, facilitando muitas vezes o uso dos brincos.

 

É necessário sempre procurar um profissional capacitado para esses procedimentos. Ele fará uma avaliação criteriosa e, após essa avaliação, caso não houver indicação para nenhum dos procedimentos mencionados acima, encaminhará você a um médico cirurgião.

Alcenir de Moura P. Júnior

Formação:

Enfermeiro

Enfermeiro

Especialista em Avançada e de Orelhas

-RJ 569.682

Endereço: Rua Prefeito Sebastião Teixeira 20, sala 419/420, Várzea,

Teresópolis – RJ.

Instagram: @alcenirjunioresteta

Redação Lume

Somos a redação da Lume, buscamos em sites relacionados com Saúde, Beleza, Estética e Bem-estar informações relevantes no mundo para você.Se quiser publicar a sua matéria em nosso portal envie e-mail para redacao@lumesaudeebeleza.com.br

Todos os posts

Posts Relacionados

  • All Post
  • Beleza
  • Bem estar
  • Convidados
  • Editorial
  • Entrevistas
  • Estética
  • Notícias
  • Saúde
Fonte Freepik

8 de março de 2024/

Dia Internacional da Mulher – Nossa homenagem será durante todo o mês de março O Dia…

Publicidade
Ads
Ads

Nota: A informação online é valiosa, mas não substitui a consulta médica. Websites oferecem conhecimentos gerais, porém, cada pessoa é única. A avaliação profissional personalizada é crucial para diagnósticos precisos e tratamentos adequados. Autodiagnóstico e automedicação apresentam riscos. Médicos atualizam constantemente seu conhecimento. Consultas regulares são essenciais para detectar precocemente problemas de saúde. Use a internet como complemento educacional, mas confie no profissional de saúde para decisões informadas sobre seu bem-estar.

© 2024 Lume Saúde e Beleza | Todos os direitos reservados | CNPJ: 52.292.734/0001-95

Criado por www.digitalpathx.com.br

Categorias

Tags